Votos do utilizador: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

transferir

“Conta-se que numa aldeia distante, no sul de Varsóvia, um de seus habitantes mais pobres, o Joseph, recebeu um bilhete de comboio para visitar um primo muito rico.
Chegou à estação segurando o seu bilhete mas como nunca tinha viajado de comboio, Joseph não sabia como agir.


Ele viu um grupo de pessoas bem vestidas e imaginou que não se deveria sentar com elas. No fundo da estação estava um grupo de malandros maltrapilhos, juntou-se a eles imaginando que aquele era o seu lugar.

comboio 1classe vagao quererser
Os passageiros da primeira classe embarcaram mas os maltrapilhos ficaram à espera. De repente, ouviu-se um apito e o comboio começou a andar; os malandros saltaram para dentro do vagão das bagagens e Joseph entrou com eles, ficando encolhido num canto escuro do vagão, continuando a segurar o bilhete na mão e com muito medo.
Aguentou firme, imaginando que aquele era o seu lugar. Até que a porta do vagão se abriu e entrou o maquinista acompanhado por dois agentes da polícia. Reviraram as bagagens até que encontraram Joseph e os seus “amigos” no fundo do vagão.
O maquinista então perguntou: -Posso ver os bilhetes?
Joseph levantou-se prontamente e apresentou o seu bilhete.
O maquinista analisou o bilhete e começou a gritar: -Meu rapaz, tu tens um bilhete de primeira classe. O que estás a fazer aqui no vagão de carga?
E o maquinista concluiu: – Quando se tem um bilhete de primeira classe, a pessoa deve comportar-se como um passageiro de primeira classe.”

(Autor desconhecido)

ng3556352 300x199

Desde muito novos que somos, progressivamente, limitados naquilo que podemos alcançar. Ser alguém de muito sucesso nem nos passa pela cabeça, tal como o “Joseph” nunca pensou que poderia viajar em 1ª classe, provavelmente pensou “- Isso não é para mim.”!


Aqui é que reside o grande problema, a nossa falta de objetivos e de alcançar o sucesso está dentro de nós e não nas circunstâncias que nos rodeiam, pois somos nós que criamos esses objetivos e o desejo de alcançar o sucesso.

É evidente que muitas vezes nos é incutida a incapacidade de realizarmos todos os nossos objetivos e de chegar ao tão desejado Sucesso, seja por quem nos rodeia, pelo local onde vivemos, pelos “amigos” com quem nos relacionamos, pela sociedade em geral…

É, pois, absolutamente necessário que acreditemos que podemos e vamos alcançar aquilo que desejamos, não “dando ouvidos nem tendo olhos” para tudo o que seja negativo e tente destruir os nossos sonhos.

 

Acredita sempre que podes, que vais alcançar, imagina o teu “Eu” alcançando aquilo que mais deseja para que assim possas ocupar aquele lugar que realmente é teu, a “1ª Classe”, tal como o Joseph da história que te contei acima.

Acredita em Ti!

Temos 284 visitantes e 0 membros em linha